terça-feira, 18 de março de 2014

REPRODUZINDO

Reprodução

Uma vez adquirido uma certa quantidade de patos de raça selecionadas é necessário considerar que conseguira manter um certo numero de patos produtivos , ao cabo de um período mais longo.
Caso a finalidade de criar patos seja somente para produção de ovos e comprar as crias unicamente quando delas necessita , você apenas precisará de fêmeas .
Caso pretenda reproduzir seus patos você precisará também de machos , para assegurar a fecundação dos ovos. Se o objetivo seu é a produção de carne deverá contar com um plantel de fêmeas poedeiras, para reprodução de patos .
Vantagens:
·       Não estar dependente de terceiros para o fornecimentos de patinhos
·        Não necessitara de dispor dinheiro na compra de patinhos
Desvantagens :
·       Terá que incubar os ovos , que não poderá ser vendidos .
·        Terá que gastar tempo e dinheiro na incubação dos ovos
·       O trabalho de incubação dos ovos podem ser em vão caso os patinhos não nasçam
·       Embora o objetivo seja a produção de ovos , voce terá que manter os machos improdutivos para que obtenha ovos fecundados
Obs: para pequenos produtores é recomendável que ele mesmo tenho sua própria reprodução de ovos fecundados , especialmente se o numero de patinhos que necessita é pequeno
Métodos de reprodução
Reprodução natural:
Caso mantenha machos e fêmeas junto, mantendo desse jeito obterá ovos fecundados. Caso isso ocorra em liberdade não se saberá qual é o macho que cobre as fêmeas.
Reprodução controlada:
Pode – se dirigir o processo, que dessa forma possa utilizar os patos que possuem melhores características. Com essa forma os patos são destinados somente a reprodução de novos patinhos e são conhecidos como reprodutores.
Em que medida pode se decidir qual pato vai acasalar com qual pata, depende muito da maneira que são criados. Caso os mesmos sejam mantidos dentro durante a noite , mas saiam durante o dia  a procura de comida , fica difícil saber qual pato acasalou com qual pata. Caso a criação proceda dessa maneira não valerá apena a escolha de um pato para o acasalamento. A melhor coisa a fazer é colocar um certo numero de patos com boas características e deixa – lo que tome seu próprio caminho. Esse é o método mais simples de se assegurar a reprodução.
Caso disponha de espaço e tempo pode –se considerar em dividir grandes galinheiros em repartições e desse modo colocar um pato com certo números de patas (4 a 8 patas )  , para que se possam acasalar. Mas isso requer mais espaço e material para alojamentos.
Os reprodutores:
Os reprodutores são patos com características que se pretende nos novos patinhos que nascerem. Por exemplo pode se escolher um pato que cresça bem com ótima quantidade de carne e acasalar com uma pata que seja ótima poedeira. No entanto é preciso saber que nem todas as características serão transmitida aos patinhos , mas existe a probabilidade de se obter uma boa espécie. Essas características que se pretende obter podem ser características físicas ou de produção.
Características de produção :
A maior parte das características relacionadas com a produção são quantificáveis: numero de ovos , quantidade de carne , etc. uma particularidade relacionadas com essas características é que são relacionadas com o meio ambiente. O criador de patos pode modificá-las. Por exemplo caso crie patos para a produção elevada de carne , só a fornecerá caso obtenha comida suficiente , caso contrario não obterá o peso desejado.
Se pretende aumentar a produção de patos , deve – se primeiro observar o abastecimento de comida , taxas de enfermidades e habitação. Uma vez que se tem certeza que se pode obter a melhor comida disponível e que os patos são saudáveis e estão bem alojados , nessa altura pode – se começar uma criação de patos com um objetivo preciso.
Características físicas :
Tratamos da seleção para características de produção. As características físicas também podem ser importantes, por exemplo a qualidade das patas (pés). Caso alguns patos dentro do bando tenha pés em mau estado, aconselha para não se usar para meios reprodutivos,pois suas características podem ser herdadas. As características físicas não podem ser influenciadas pela quantidade de comida ou tipo de habitação. Um pato terá as patas torcidas ou cor castanha , e é fácil utilizar esses critérios como seleção de criação.
O manuseio de patos machos e fêmeas :
 De modo a garantir que se possua uma certa quantia de ovos fecundados , uma boa proporção é de um pato para seis patas , embora possa ser ter até um pato para oito patas.
Caso a relação das patas – patos seja menor não se recomenda uma quantidade menor que um pato para quatro patas , pois um numero elevado de patos dentro do bando , faz com que o bando fiquem inquietos , mas também siguinifica que se tem mais aves para alimentar que não são produtivos , a não ser que se queira vender abatidas (carne).
Deve se introduzir os machos dentro do bando  um mês antes de que se necessite dos ovos fecundados , desse modo terá a garantia que os ovos foram fecundados , pois a primeira vez que as patas se acasalam pode ser que não haja uma fecundação , por isso colocar um mês antes .
Pensam freqüentemente  que o acasalamento se da  dentro da água. Não é extremamente  necessário , mas é bom que as patas tenham acesso a um tanque ou charco de água limpa ou ate mesmo a um recipiente grande com água. Patos são aves aquáticas e é bom para eles se manterem limpos e saudáveis caso disponham de locais aonde possam nadar e banhar-se